China lança jato para concorrer com Boeing e Airbus

O primeiro jato para passageiros fabricado pela China acabou de decolar. Ele leva a esperança do país de se tornar um dos maiores produtores de aeronaves do mundo, em um mercado dominado por fabricantes ocidentais como Boeing e Airbus. O avião c919 fez um voo teste na sexta-feira, 05/05/2017, a partir do aeroporto internacional de Xangai. A fabricante é a estatal Commercial Aircraft Corp. of China Ltd.,  também chamada de Comac. Segundo a agência de notícias oficial, Xinhua News Agency, … Leia mais…

China apresenta seu primeiro avião comercial para competir com Airbus e Boeing

O primeiro grande avião chinês de passageiros, o C919 de médio alcance, saiu nesta segunda-feira da fábrica e foi apresentado em Xangai, confirmando assim as ambições do gigante asiático de competir com a Boeing e a Airbus no setor aeronáutico. O avião branco com leme verde, de 39 metros de comprimento e com capacidade para 168 passageiros, saiu de um gigantesco hangar decorado com as cores da bandeira da China para ser apresentado a um público seleto. Mais de um … Leia mais…

Banco da China de Comunicações colocou pedido firme de 30 aeronaves COMAC C919

Banco da China Communications Financial Leasing Co., uma subsidiária do Banco da China das Comunicações, colocou um pedido firme por 30 Commercial Aircraft Corp of China (COMAC) C919. COMAC agora tem 195 pedidos para C919s.Em outubro, Sichuan Airlines encomendou 20 aviões e ICBC Financial Leasing Co. colocou 45 pedidos firmes. Outros clientes para a aeronave de 150 lugares incluem Air China, China Eastern Airlines, China Southern Airlines, Hainan Airlines, China Development Bank Leasing Company e Serviços GE Capital Aviation. O … Leia mais…

Jatos chineses chegam ao mercado em 2014

Recentemente, na cidade chinesa de Zhuhai, duas comissárias de bordo em uniformes vermelhos recebiam os visitantes para a apresentação de um novo jato que acomoda 150 pessoas, o C919. O modelo, que terá seu vôo inaugural em 2014, foi projetado pela Commercial Aircraft Corp of China (Comac) para abocanhar uma fatia do mercado de jatos de passageiros da Airbus e Boeing. De acordo a Business Week, uma das razões que levaram a China a arquitetar um plano tão audacioso é … Leia mais…