liderar pelo exemplo

Administrar pelo exemplo

O tema que vou abordar hoje é Administrar pelo exemplo.

Você é líder? E acredita que o seu time está atento às suas orientações verbais ou escritas e cada vez mais digitais? Acredito que sua resposta será positiva .

Mas existe coerência entre o que você fala e prática?

Se você não está nem aí, cuidado! Seus colaboradores, especialmente os mais novos, estão muito mais ligados em suas atitudes que em suas palavras.

A falta de coerência de alguns líderes entre o seu comportamento real e o que ele prega (para os outros) é um dos principais fatores para a perda de sua credibilidade junto aos seus comandados. Em situações extremas, alguns colaboradores pedem transferência para outros setores ou até mesmo desligamento da Empresa por não conseguir conviver com os conflitos que ocorrem no mundo corporativo.

O momento atual exige muita transparência e coerência. As empresas estão se adaptando aos novos tempos de cobrança da sociedade brasileira com a implantação de Códigos de Ética e Programas de “Complaence”.

Tais iniciativas são importantes  do ponto de vista de responsabilidade legal e social.

No entanto, existe um longo caminho para transformar o que está escrito os códigos e manuais em práticas saudáveis dentro das Empresas e Instituições.

Um dos caminhos mais “sustentáveis” é a gestão pelo exemplo” se você não praticar efetivamente os valores, sua equipe vai perceber que é de “mentirinha” ou para inglês ver e aí não vai resolver.

Por outro lado, se você acreditar e praticar os princípios de respeito e de ética e se comunica de forma franca, dando feedbacks de forma adequada para seus liderado e superiores sua missão será facilitada.

Estes mesmos valores devem nortear as suas relações com os fornecedores s clientes.

Se você quer mudar a Sociedade e sua Empresa, comece por Você. Pratique, saia do discurso! Dê o exemplo!!

 

Facebooktwittergoogle_plusredditpinterestlinkedinmail

Um comentário sobre “Administrar pelo exemplo

  1. Entendo que a transparência deveria estar inserida e todos os setores da sociedade. Entendo ainda que não tem como um gestor alcançar uma gestão de excelência, sem transparência em suas atitudes e sem ter sempre em mente que os liderados o “vigiam” constantemente , analisando suas atitudes pessoais.

Deixe um comentário